Weintraub deixa comando do Ministério da Educação

Foto: Reprodução/Youtube

O economista Abraham Weintraub anunciou hoje (18),  sua saída do comando do Ministério da Educação (MEC) e disse que vai ser diretor do Banco Mundial. A divulgação foi feita em vídeo, que ele está ao lado do presidente Jair Bolsonaro. 

A mudança, segundo ele, dará mais segurança para sua família. E agradece Bolsonaro em publicação no Twitter. "Agradeço a todos de coração, em especial ao presidente Jair Bolsonaro, o melhor presidente do Brasil! Liberdade!", escreveu. 

Weintraub sai do MEC em meio a polêmicas, como: a realização do ENEM na data prevista, que foi alterada após muitas criticas; investigação pelo STF de fake news, ofensas e ameaças a ministros; e multa de R$2 mil, após comparecer sem máscara em manifestação pró-bolsonaro, no último domingo (14), em Brasilia.


Foto: Reprodução/Twitter

Comentários