Primeiras edições do Diário Oficial serão digitalizadas para acesso da população

Foto: Divulgação/IOA

Uma parceria entre a Imprensa Oficial do Estado do Amazonas (IOA) e a Secretaria de Estado de Administração e Gestão (Sead), por meio do Arquivo Público do Estado do Amazonas, vai promover à sociedade o acesso à informação dos atos administrativos do Estado, com a digitalização das primeiras edições dos Diários Oficiais.

O ponto de partida para a parceria entre os dois órgãos foi o projeto “Preservação e acesso: Digitalização dos Diários Oficiais do Estado do Amazonas entre o período de 1893-1955”, que está sendo executado pela IOA. No processo de levantamento das edições do Diário Oficial do Estado (DOE) referentes ao período, foi observada a necessidade de solicitar ao Arquivo Público a disponibilização, em suporte físico, de 132 exemplares do DOE.

Posto que as duas instituições possuem coleções do DOE desde a sua primeira edição, a solicitação de apoio se transformou na parceria, que irá facilitar o acesso aos exemplares mais antigos do DOE, sendo uma grande fonte de pesquisa para estudantes, pesquisadores, historiadores, advogados, enfim, todos que se interessam ou necessitam saber sobre a história da administração pública estadual no Amazonas.

Para o diretor-presidente da IOA, Mário Aufiero, a iniciativa ressalta a importância da preservação do patrimônio cultural do Estado. “A democratização do acesso aos atos oficiais do Estado do Amazonas passa hoje pela necessária mediação da tecnologia na organização da informação. Daí a importância do projeto de digitalização que estamos realizando na Imprensa Oficial. Vale observar que, neste processo, 119 exemplares passarão por processo técnico de higienização e 13 exemplares passarão pela técnica de restauro de documentos”, afirmou.

A titular da pasta de Administração e Gestão, Inês Carolina Simonetti, afirma que o atual Governo do Estado tem se esforçado para resgatar o valor histórico e cultural que o Arquivo Público representa para o Amazonas porque a história da administração estadual está resguardada lá. “Essa parceria entre a Sead, instituição responsável pelo Arquivo Público do Amazonas, e a Imprensa Oficial é exemplo das iniciativas voltadas para a preservação dessa história. Ademais, por meio dela, o Arquivo cumpre uma das suas funções, que é promover o acesso aos documentos públicos”, declarou.

Arquivista responsável pela execução do projeto “Preservação e acesso: Digitalização dos Diários Oficiais do Estado do Amazonas entre o período de 1893-1955” na IOA, Hemmilys Karolinne de Sousa Maia lembra que o projeto vai além da digitalização de documentos.

“É uma maneira de preservar a história presente nas edições do Diário Oficial, por meio da organização, guarda e conservação desses registros, o que garante, além do acesso, o direito à memória, já que propicia a pesquisa histórica que revela a trajetória da administração estadual do Amazonas. E, como o Arquivo Público também tem uma coleção das primeiras edições do DOE, é possível avaliar os exemplares que estão em melhor estado de conservação para serem digitalizados”, explica.

O chefe do Arquivo Público do Estado do Amazonas, Marcelo Araújo Silva, destaca a relevância da parceria para as duas instituições e, principalmente, para a sociedade. “Vamos poder acessar os atos oficiais do Estado desde a primeira edição do Diário Oficial até os dias de hoje e deixar essas informações disponíveis para toda a sociedade, disponíveis para o serviço público, para serem utilizadas nas mais diversas funções e atividades. Isso pode beneficiar as pessoas desde a reconstrução da sua história até a sua relação com o Estado”, afirma.

Comentários