Igrejas católicas de Manaus irão permanecer fechadas mesmo após aprovação de deputados como atividade essencial




O Arcebispo de Manaus, Don Leonardo Steiner, afirmou em vídeo divulgado nas redes sociais da Arquidiocese da Capital que as igrejas católicas permaneceram fechadas mesmo após aprovação de projeto de lei por meio da Assembleia Legislativa do Amazonas, que estabelece as igrejas e templos religiosos como atividade essencial em períodos de calamidade pública em todo Estado.

O Arcebispo afirma que o papel da Igreja é muito maior do que apenas de prestar serviços. "A igreja tem um papel essencial, não é apenas um serviço, tem uma presença na sociedade. Não vamos abrir nossas portas até acharmos necessário o fim do distanciamento e o isolamento social”.

Comentários