Lei Seca flagra 41 motoristas alcoolizados no final de semana em Manaus





No último final de semana, a operação Lei Seca do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) flagrou 41 motoristas dirigindo sob efeito de álcool em Manaus. Um motorista foi preso em flagrante por dirigir alcoolizado. A operação ocorreu entre sexta-feira (06/03) e a noite de ontem (08/03), por meio do Núcleo Especializado em Operações de Trânsito (Neot), Polícia Civil e do Batalhão de Trânsito da Polícia Militar (BPTran).

Durante as fiscalizações, 832 motoristas foram submetidos ao teste de alcoolemia,  45 veículos foram removidos ao parqueamento, sendo 24 carros e 21 motos. Ainda durante a fiscalização de trânsito, 32 Certificados de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV) e 31 Carteiras Nacionais de Habilitação (CNH) foram recolhidos.

O objetivo da ação é promover a ordem e bem-estar social no trânsito, além de eventuais autuações quanto ao cometimento de infrações penais. A ação faz parte da estratégia do sistema de segurança pública do Governo do Amazonas para a redução dos índices de criminalidade e ocorrências no trânsito, e integra a mobilização nacional da Lei Seca.

Lei Seca – De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro (CTB), a penalidade para quem dirige embriagado é de R$ 2.934,70, além da suspensão do direito de dirigir por 12 meses. Se o condutor cometer a mesma infração dentro de 12 meses, o valor da multa será dobrado.

A Lei Seca não permite a direção de veículos sob efeito de qualquer quantidade de bebida alcoólica ingerida pelo condutor. Caso o índice seja de 0,34 mg/L, o motorista é preso em flagrante.

Comentários