PM registra 5,7 mil prisões em flagrante de suspeitos de cometerem delitos no Amazonas



A Polícia Militar do Amazonas (PMAM), sob o comando do coronel Ayrton Norte, encerrou o ano com números positivos, que mostram o crescimento considerável no número de abordagens em veículos, motocicletas, ônibus, transeuntes, assim como o aumento no número de apreensões de arma de fogo, apreensão de drogas e detenção de supostos infratores.

Em um comparativo com o ano anterior, em 2019 foi registrado um crescimento de 111% no número de abordagens a veículos de passeio (768.447), 155% (109.784) nas abordagens a táxis, 110% (51.065) nas abordagens em ônibus urbanos, e 199% (202.566) nas abordagens aos mototaxistas, além de um crescimento de 92% (3.885.364) nas abordagens a pessoas.

“Esse crescimento é fruto de um trabalho conjunto entre a Policia Militar e o cidadão que confia no nosso trabalho e nos ajuda fazendo denúncias, repassando informações importantes”, assinala o subcomandante geral da PMAM, coronel Silvio Mouzinho.

Nas ações realizadas em 2019, o número de adolescentes apreendidos cresceu 66% (2.239) em relação ao ano anterior, seguido pelo número de munições apreendidas 64% (12.648) e arma branca apreendidas 56% (999). As apreensões de drogas cresceram 26% (4.280,999kg) e as apreensões de adolescentes suspeitos de quaisquer delitos cresceram 22% (13.208). O número de apreensões de armas de fogo de vários portes e calibre cresceu 10% (1.838).

As ações da Polícia Militar resultaram também na detenção em flagrante de 5.796 suspeitos de cometerem diversos crimes, o que representa um crescimento de 31% em relação ao ano de 2018. Os Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCO) aumentaram em 52% (2.868) e o número de veículos recuperados e/ou localizados aumentou 6% (1.722).

“Vamos continuar trabalhando diuturnamente para combater a criminalidade no nosso estado, dando paz e tranquilidade à população. Por isso vamos continuar pedindo o apoio do cidadão, para que nos ajude fazendo denúncias por meio do 190”, concluiu o subcomandante geral da PMAM.

Comentários