Vanessa Grazziotin é multada e tem o nome inscrito na Dívida Ativa da União




A ex-senadora pelo Amazonas, Vanessa Grazziotin (PCdoB), foi multada em R$ 8 mil, por propaganda irregular, pelo Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TER-AM) e, ao ignorar o prazo de 30 dias estipulado pela Corte, para o depósito do valor, teve o nome inscrito na Dívida Ativa da União (DAU).



A multa é oriunda de representação do Ministério Público Eleitoral (MPE), originada em 2018. Em Acórdão julgado na sessão do dia 04 de fevereiro deste ano, o TRE-AM julgou procedente a representação, decidindo pela aplicação da multa.



Vanessa Grazziotin solicitou o parcelamento da dívida em oito vezes, o que foi negado pelo TRE, sob a justificativa de que o pedido deve ser feito à Procuradoria da Fazenda Nacional no Amazonas, uma vez que a comunista já está inscrita na dívida ativa.



“Destaco que, antes de providenciar a remessa dos documentos essenciais do processo à Procuradoria da Fazenda Nacional, a representada foi devidamente intimada para adimplir voluntariamente o débito, tendo deixar o prazo de 30 dias transcorrer”, afirmou na decisão, o presidente do TRE, desembargador João Abdala Simões, no dia 28 de agosto.



“Em tempo, com fundamento no princípio da cooperação processual, determino a intimação da Procuradoria da Fazenda Nacional no Amazonas, para conhecimento do pedido formulado no evento 2542406, devendo as partes, acaso entabulem acordo, apresentar a respectiva documentação nos presentes autos”, acrescentou.



Vanessa é uma das cotadas para concorrer à Prefeitura de Manaus, nas próximas eleições.


Comentários

  1. Vai ser prefeita nos quintos do inferno, comunista maldita

    ResponderExcluir
  2. LEMBRAM DA COMISSÃO DE FRENTE ,AS PETISTA DO SENADO? TODAS SE REVELANDO DO MAL. DA TURMA DA CHUPETA, NÃO SALVOU UMA.

    ResponderExcluir
  3. Esquerdopatas não respeitam a Lei nem a ordem.

    ResponderExcluir

Postar um comentário